sábado, maio 02, 2009

Chicletes

Fui tomar café na padaria. Quando vou pagar, pai e filho (de uns 5 ou 6 anos) estão do outro lado do balcão do caixa. A mãe do garoto está perto de mim. Rolou um diálogo:

GAROTO - Mãe, posso levar quantos chicletes?
MÃE - Um para você e um para a sua irmã.
GAROTO - Mas se eu levar um sabor que a Helena não gosta, aí ela vai dar o dela para mim.
MÃE - (Silêncio).

Eis uma pessoa que sabe maquinar as coisas desde cedo.
Sinistro!

7 comentários:

Leo Pinheiro disse...

Haha parece eu quando era criança!

Agora, sem sacanagem nem propaganda...

Vá ao meu blog e veja se a minha descrição não é 'igual' à sua! :O

E...

Antes de comentar, leia os posts mais antigos. Esta semana não estava muito inspirado.

Bjs, Leo Pinheiro

sofismo disse...

Adorei o diálogo... E você escreveu uma coisa que já observo há muito tempo.
Crianças são de uma inteligência espetacular...
Parabéns pelo post.

Hei, lembro do comercial que você mencionou no meu blog, sobre o Nelson Rodrigues...
Só tenho uma coisa pra te falar, valeu pela dica, estou, neste exato momento, procurando o comercial no youtube pra fazer um post amanhã, afinal, serão 30 dias de Nelson Rodrigues no meu blog.

Beijinho, apareça quando quiser, mulher bonita no meu blog é tudo que eu quero.

sofismo disse...

Que triste, não consegui achar a imagem, vou ter que trabalhar um post diferente pra amanhã.

Beijo

Rodrigo disse...

Um futuro senador para o Brasil...

Edelson disse...

É... a cada dia que passa as crianças nos surpreende mais! Daqui a algumas décadas elas já devem nascer falando huahuhauha!

Tania Saad disse...

Me lembrei de minha sobrinha...a reação ela seria bem parecida, a diferença seria o fato dela não ter irmãos..rsrsrs
Cada dia que passa, me convenço mais que as crianças estão crescendo rápido demais!!
Parabéns pelo blog...

Abraços!!

Mari Ceratti disse...

Rodrigo: o moleque também pode tentar ser deputado. Inclusive, as chances para ele são maiores.rsrs

Edelson, Tânia: de fato, as crianças não são mais o que eram. Tenho até a impressão de que esse garoto já saiu de fábrica com um vocabulário inteirinho...

Abs gerais, galera.