sexta-feira, agosto 12, 2005


Acordei num banzo danado hoje, estava me sentindo assim, um banzo ambulante. Concentração virou tarefa árdua, fiquei igual essa mina aí de cima – com o corpo em um lugar, a cabeça voadora em 300 outros mundos.
Ainda bem que é sexta e está na hora de ir pra casa...

Um comentário:

Marcio Eugênio disse...

Banzo? Como assim... O que ser "banzo"? :)